Nossos talentos
   
     
   
Ideais sem obras não existem. Para realizar grandes obras
é imprescindível braços e corações idealizados.

Suprir as necessidades da vida é o objetivo de qualquer ser humano. Aliar esta necessidade a alguma atividade que acrescente dividendos a mais em nossa existência é muito gratificante. Felizmente o tempo levou-nos a constituir uma equipe de trabalho tendo em comum essa linha de pensamento. Equipe essa sem “chefes” ou subordinados, nem comandantes ou comandados, somente seres humanos conscientes de seu compromisso e responsabilidade social.

Gostaríamos que você conhecesse os talentos que formam nossa equipe.

Área Comercial e Administrativa

  Elaine Bernardi

Vendedora nata, começou sua carreira aos dez anos de idade trabalhando atrás de um balcão como aprendiz, tendo
como referência a experiência e
simpatia de seu pai.
Trabalha conosco a seis anos sendo a pessoa responsável pelo atendimento à clientes, orçamentos e gerenciamento da área de vendas.
De grande habilidade em negociação, consegue sempre fazer o melhor negócio para o cliente mantendo a sustentabilidade da empresa. Apesar de estar sempre observando gráficos, sua maior referência de eficiência é a satisfação de seus clientes no fechamento de algum negócio. Para ela, somente negociar um produto com excelente custo/benefícionão garante a sobrevivência da empresa.

É preciso antes de mais nada, satisfazer as necessidades do cliente, pois existe uma grande diferença entre vender mudas e vender árvores. Sente grande satisfação em trabalhar com um bem perene, feito para durar centenas ou milhares de anos.
Ela diz sempre que “é como se fossem meus filhos que não param de crescer aos olhos de pais adotivos”

Márcia Zampar Bernardi

Sócia proprietária, responsável pela administação financeira da empresa.

Mesmo sem formação acadêmica nessa área, consegue gerir nossos recursos com maestria, operando verdadeiros milagres, principalmente em momentos difíceis.

 

Sempre esteve atenta às crises econômicas nunca como barreiras, mas como oportunidade de aprendizado e aprimoramento.
Transforma sua difícil responsabilidade em imenso prazer, que é aliar capital com os ideais da empresa. Despreendida, seus olhos nunca se desviaram de objetivos básicos próprios de sua essência, sempre manteve seus princípios.
Sua base administrativa também se alicerça no capital, mas no capital que só é produtivo e sustentável quando aplicado de forma honesta para suprir as necessidades de clientes e colaboradores.


Programação e designer

  Lucas Zampar Bernardi

Apesar da tenra idade, 20 anos,
o Lucas é responsável
pela área de informatização
da empresa.

Estando sempre atento para a resolução de simples problemas do dia-a-dia, desenvolveu um primoroso sistema de gerenciamento, que permite total controle desde coleta de sementes, produção, estoque, orçamentos e vendas, contribuindo de forma significativa para aprimorar e agilizar o atendimento aos nossos clientes.

Além da lógica, desenvolveu também sensibilidade no trato de coisas artísticas, sendo o designer de nossa home page, muito elogiada por nossos clientes e até sendo citada pelo jornal “Folha de São Paulo”, como uma das melhores no ano de 1999 na área de meio ambiente, o que para nós é motivo de muito orgulho.

Concilia muito bem seu trabalho com sua obrigação maior, que é estudar.

Um grande talento que com muita dedicação ao que faz,
se aprimora e evolui byte a byte.


Equipe de produção


Numa empresa onde todos sabem fazer um bom café, independente de sua função, não poderia deixar de mostrar seus bastidores, aqueles que fazem uma parte fundamental do trabalho, que é semear, repicar, transplantar, selecionar, selecionar, e incansavelmente selecionar as melhores mudas para nossos clientes, indistintamente.
 
Willian, Rubens, Vilson B., Alex, Cláudia, Vilson S.
Da esquerda para a direita

São eles que, apesar da rudeza do trabalho no campo,das mãos calejadas e rugas precoces forjadas pelo sol diário, se mantém afinados com os objetivos da empresa, dando o melhor de si para produzir a
melhor qualidade pelo menor preço.


Área técnica e produção

  Marcos D. Bernardi

Jatobás, ipês, cabreúvas e perobas, conheci ainda muito criança, quando meu pai, ferroviário, rachando dormentes velhos, ia me dizendo o nome dessas madeiras, ensinando-me a conhecer a alma das árvores pelo cheiro. Ficava imaginando como seria estas madeiras vivas, vestidas de folhas, tinham ou não flores e frutos, se os aromas seriam o mesmo delas caídas? Dúvidas que guardei por muito tempo.

A primeira oportunidade de sanar estas dúvidas foi em 1979, ainda na adolescência, quando estudante colegial, participei ativamente de uma campanha de reflorestamento de matas ciliares na região de Espírito Santo do Pinhal.
A partir daí me apaixonei pelas árvores em pé, preferindo desfrutar a beleza que corria em sua seiva do que o cheiro de sua alma na madeira serrada.

Posteriormente, em 1982, comecei a trabalhar em uma Cooperativa do setor sucroalcooleiro (Copersucar) onde iniciamos um grande projeto de reflorestamento em áreas degradadas de empresas associadas à referida Cooperativa. Neste período foram cerca de16 viveiros implantados no estado de São Paulo, resultando em muitos milhares de mudas plantadas.

Novamente o destino, com meu fundo de garantia, a Márcia, e nosso fundo de quintal, fundamos a VALEVERDE - Proteção Ambiental, que foi o cerne do que é hoje a BIOVERDE - Árvores do Brasil.

 
Direitos reservados - BIOVERDE - Árvores do Brasil © 2006